CUIDANDO DA SAÚDE E DA BELEZA COM BETACAROTENO

0
139

Uma alimentação saudável reflete-se em uma saúde blindada e em pele, cabelos e unhas com bom aspecto.

Por isso hoje vamos falar como uma alimentação saudável impacta diretamente na beleza.

O envelhecimento é algo muito combatido pela humanidade, seja através de meios científicos, alimentação ou atividade física.

Principalmente por mulheres acima dos 30 anos, época em que geralmente muitas delas costumam notar as mudanças na pele.

Por isso é preciso recorrer a fontes de vitaminas que retardam esse processo e deixam a pele mais lisa e bonita. Não é apenas questão de estética e sim de saúde para o corpo!

Um desses aliados que traz outros diversos benefícios para o organismo é o betacaroteno.


Ela é uma substância antioxidante responsável pela coloração intensa de laranja, vermelho ou amarelo em alguns alimentos como a cenoura, abóbora, mamão, damasco manga, beterraba, batata doce, entre outros.

Por ser rico em Vitamina A, ele auxilia na formação de melanina – o pigmento responsável por proteger a pele dos raios ultravioleta -, favorecendo ao bronzeamento saudável.

Apesar de terem o benefício parecidos, o colágeno atua de forma diferente do betacaroteno e os dois juntos potencializam ainda mais os resultados, conforme explica a especialista. “Uma das principais funções do colágeno é formar as fibras que dão sustentação à pele e o betacaroteno ajuda no combate aos radicais livres que envelhecem a pele, além de colaborar para preservar o colágeno”, conta.

Além da pele, o betacaroteno auxilia em diversos outros quesitos do corpo como o aumento do brilho dos cabelos, o fortalecimento das unhas, ajuda no o crescimento ósseo estimulando a produção do colágeno para fixação de minerais como cálcio, fósforo, magnésio e boro, protege a superfície ocular, melhorando o olho seco e conjuntivites inflamatórias, além da incidência de catarata.

Por ter ação antioxidante, ele também fortalece o sistema imunológico que contribui para o bom funcionamento dos pulmões e do sistema respiratório, prevenindo gripes e resfriados.

Vale dizer também que é preciso estar de olho para o excesso de betacaroteno no organismo, pois quando isso ocorre ele deixa a pele com cor alaranjada. Nada preocupante, uma vez que basta apenas interromper o consumo dos alimentos que contenham a substância para voltar ao aspecto normal. Mas afinal saúde nunca é demais.

Agora com essas dicas fica por sua conta decidir como vai incluir o betacaroteno no seu plano de alimentação saudável.

Enfim espero que tenham gostado da dica e agradeço a Dr.ª Dalila Marciele Nunes – Nutricionista pela colaboração com a pauta.

Aguardo vocês para o próximo post !

Beijos,

Alessandra Castro

SalvarSalvar

SalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvar

Deixe seu comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here